PREFEITURA ANUNCIA FIM DE “ONDA ROXA” EM ARCEBURGO

0
A partir de hoje, dia 12, estão permitidos o funcionamento de todas as atividades comerciais, desde que cumpram algumas regras, como distanciamento e limitação máxima de pessoas. Decisão do Governo de Minas foi publicada no Diário Oficial no sábado. Comércios do ramo de alimentos e bebidas do município deverão funcionar até as 21 horas, depois desse horário somente delivery.
A Secretaria Estadual de Saúde progrediu Arceburgo para a Onda Vermelha, após avaliação de que os indicadores, como taxa de incidência da covid-19 e ocupação de leitos, apresentaram melhora sustentada possibilitando a abertura segura de mais atividades nos municípios da microrregião de saúde de Guaxupé, onde o município arceburguense está inserido.
Um decreto do município ainda vigente determina que as festas particulares, aluguéis de chácaras e excursões ainda seguem sem funcionar (decreto municipal nº 018/2021). Um novo decreto será sancionado determinando que o funcionamento de bares, restaurantes e similares fiquem abertos até as 21 horas, sendo permitido apenas o atendimento delivery depois desse horário. Esse decreto é para seguir decisão conjunta dos prefeitos da AMOG. As inscrições para os lotes urbanizados do Conjunto Habitacional Gimar Mello continuam suspensas até o dia 18 próximo, quando encerrará a Onda Roxa em todo estado.
Mesmo com essa situação de cenário favorável, a Secretaria Estadual de Saúde continuará acompanhando diariamente os dados para regressão à onda roxa de forma imediata, em caso de necessidade.
Para garantir que não haja piora nos indicadores da Covid-19, a Secretaria Municipal de Saúde desaconselha qualquer tipo de aglomeração ou trânsito desnecessário durante a pandemia, mantendo todos os cuidados, como o uso correto de máscara e de álcool em gel. A Secretaria Municipal de Saúde manterá o compromisso de continuar com as fiscalizações no sentindo de coibir realizações de eventos e o cumprimento das medidas de segurança contra a Covid-19.
O avanço dos números da microrregião de Guaxupé para Onda Vermelha aponta o resultado positivo das medidas mais restritivas impostas pela Onda Roxa, cujo esforço e sacrifício da população teve reflexo na queda no número de óbitos e ocupação de leitos de UTI e internações.
A maior parte do Estado ainda está na Onda Roxa, portanto, antes de quaisquer iniciativas em outras regiões mineiras, se esclareça antecipadamente sobre as medidas restritivas em cada local.
A Deliberação 147, que reclassifica a microrregião de saúde de Guaxupé para “onda vermelha” a partir do dia 12 de abril, foi publicada pelo Governo de Minas Gerais no sábado, 10, e pode ser acompanhada aqui:
http://pesquisalegislativa.mg.gov.br/LegislacaoCompleta.aspx?cod=195264&marc=

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here